PERSONAGENS

BERNADETTE SOUBIROUS
Eyma

Eyma tem 16 anos e canta desde muito nova.
O seu universo musical é o Pop Rock. Adèle, Rihanna, Bruno Mars e Sam Smith são algumas das suas referências musicais.
Desde os 10 anos que atua em palcos associativos e palcos abertos.
Em 2015, alcançou a final da categoria júnior do “Plus 2 Talents”, considerado uma rampa de lançamento musical.
Já atuou em alguns palcos parisienses como o Le Caveau des Artistes, Le Connétable ou Le Sentier des Halles.
Foi selecionada para participar no “The Voice Kids 2” onde a sua prestação fez girar a cadeira de Patrick Fiori, que a levou à fase das batalhas.
Em 2016, por ocasião de um festival, representou a França na Opera House de Sydney e atuou no mesmo ano no Casino de Paris. Participou na digressão do “The Voice” no Teatro Antigo de Orange em 2017.

Em Bernadette de Lourdes, Eyma encarna esta jovem adolescente como qualquer outra que viverá uma experiência única e surpreendente.

Louise SOUBIROUS
Sarah CAILLIBOT

Autora, compositora e intérprete, Sarah atuou em 2004 no âmbito de uma rampa de lançamento de jovens talentos da Association Orphée Théâtre em Morbihan.
Recebeu o primeiro prémio com canções da sua autoria. 

Igualmente apaixonada pelo teatro, passou as audições em setembro de 2004 para entrar na Conservatória de Arte Dramática e integrou a conservatória do 15ème arrondissement de Paris. 

Em abril de 2009, recebeu o prémio do Centre des écritures et de la chanson atribuído pela Voix du Sud, uma associação criada e presidida por Francis Cabrel.
Em fevereiro de 2013, participou no “The Voice” onde integrou a equipa de Garou. Assegurou a primeira parte da digressão do “The Voice 2015”.

A partir de 2016, Sarah dedicou-se ao seu álbum e foi selecionada para o “Destination Eurovision” no canal France 2 com a canção “Tu me manques”.

François SOUBIROUS
David BÁN

Autor, compositor, intérprete, comediante, músico e voz-off. Francês de origem húngara, David transporta para a sua música as suas influências eslavas, combinando o gosto pela festividade com o pela poesia. Começou muito cedo a compor e a produzir ele próprio os seus primeiros álbuns, participou em encenações, fidelizou um público cada vez maior e destacou-se nas produções musicais de grande sucesso “Grease — Brilhantina”, “Hair”, “1789, Les Amants de la Bastille”, “Os 3 Mosqueteiros”, etc.
Atua nos grandes palcos de França (Olympia, Bataclan, Grand Rex, Palais des Sports, etc.), bem como na Suíça, Bélgica e Rússia.
Na televisão e no cinema destacam-se as participações em “Scènes de ménages”, “Capitaine Marleau”, “Épouse-moi mon pote”.
Em 2017, David produziu ele próprio o seu álbum “L’Alpagueur” que foi seguido de concertos esgotados.
Gravou a sua última canção “Encore plus fort” que criou com “Les Frenchguys”.

Hoje encontramo-lo no papel de pai de Bernadette, uma personagem emocionante e com um papel totalmente diferente dos que costuma desempenhar.

Pároco PEYRAMALE
Christophe HÉRAUT

Christophe faz parte do meio artístico desde tenra idade. Cantor e músico, toca vários instrumentos, entre os quais o saxofone e a guitarra. Aos 17 anos, percorreu as estradas de França com o seu grupo e experimenta o prazer de atuar em palco. Na véspera do Natal de 1999, enquanto cantava a solo num piano bar em Béziers, em substituição de outro cantor, foi descoberto por Dominique Besnehard que lhe apresentou o produtor Orlando com quem criou alguns singles. Contudo, foi em 2004 que a sua carreira deu uma grande reviravolta. O encenador Eli Chouraqui ofereceu-lhe o papel de ator secundário na comédia musical “Spartacus” de Maxime Le Forestier. Entre 2006 e 2010, Christophe representou o papel de Ben-Hur no espetáculo de Robert Hossein. A companhia atuou no Estádio de França e atuou também na Austrália. Em 2013, lançou o seu primeiro álbum intitulado “La chute est belle”. Para a redação dos textos, colaborou com François Welgryn, compositor que trabalhou para grandes artistas como Garou, Céline Dion ou Johnny Hallyday. No novo espetáculo “Os 3 Mosqueteiros”, o carisma, a emoção e a voz poderosa de Christophe caracterizam o papel do maquiavélico Cardeal de Richelieu.

Em Bernadette de Lourdes, encarnará o papel do carismático pároco Peyramale.

Comissário JACOMET
Grégory DECK 

Artista do Norte de França. Grégory juntou-se a “Dracula, l’amour plus fort que la mort”, em 2010, onde desempenhou o papel de Sorci, um vampiro que usa sapatos de salto agulha, encenado por Kamel Ouali no Palais des Sports, em Paris. A partir de 2012, participou em “Salut Les Copains ! “, encenado por Stéphane Jarny em Folies Bergère e que esteve em digressão durante 2 anos.
Em 2015, contracenou com Eugénie Soulard em “Cendrillon, Le Temps d’Aimer”. No ano seguinte, integrou o elenco de “Peppa Pig, le Grand Splash” que figurou no cartaz do Casino de Paris e esteve em digressão.
O ano de 2017 foi o ano em que Gregory foi Jean no espetáculo musical “Jésus, de Nazareth à Jérusalem” de Pascal Obispo e Christophe Barratier no Palais des Sports.
Em 2018, desempenhou o papel de Perchik em “Um Violino no Telhado” encenado por Ned Grujic no Teatro 13ème Art, em Paris. A título individual, trabalhou as suas múltiplas facetas de ator no Studio Pygmalion, teve formação em dobragem e desenvolveu o seu projeto de música urbana #ÇaSuffitPas com Nicolas Lassus.

Grégory desempenhará o papel de Comissário Jacomet que, de forma cética, tenta distinguir o verdadeiro do falso com Bernadette.
Foto © Inanis